segunda-feira, 8 de agosto de 2016

ASSEMBLEIA LEGISLATIVA PAGOU DIÁRIAS PARA CAXIAS ATÉ NO RECESSO NATALINO


A cidade de Caxias (a 368 Km de São Luís) foi o principal destino das viagens de funcionários da Assembleia Legislativa (Alema) no período de jan/2015 a 7 de agosto/2016, segundo o levantamento em gastos diretos/diárias feito pelo Blog do Ed Wilson no Portal da Transparência.

Sob o mando de Humberto e do sobrinho Leo Coutinho, Caxias é o destino preferido dos funcionários a Alema


O município é administrado por Leo Coutinho (PSB), sobrinho do presidente da Alema, Humberto Coutinho (PDT), esposo da ex-deputada estadual Cleide Coutinho.
Em um ano e sete meses de legislatura, o destino Caxias somou 125 viagens feitas por 10 funcionários da Alema, totalizando um gasto de R$ 129.470,00 (cento e vinte e nove mil, quatrocentos e setenta reais).
MAPEAMENTO DE VIAGENS E DIÁRIAS PARA CAXIAS
Funcionário
2015
2016
Total
Aldenir Cabral da Cruz
R$ 19.895,00
20 viagens
R$ 13.330,00
13 viagens
R$ 33.225,00
Jean Rodrigues Alves Costa
R$ 14.405,00
15 viagens
R$ 18.670,00
15 viagens
R$ 33.075,00
Cid Barbosa de Sousa
R$ 12.685,00
13 viagens
R$ 14.405,00
14 viagens
R$ 27.090,00
Hyago Hemilton Bezerra Cordeiro
R$ 7.310,00
8 viagens
R$ 1.075,00
1 viagem
R$ 8.385,00
Carlos Alberto Ferreira da Silva
R$ 3.685,00
4 viagens
R$ 3.685,00
3 viagens
R$ 7.370,00
Carlos Alberto Martins de Sousa
R$ 3.350,00
4 viagens
R$ 3.015,00
3 viagens
R$ 6.365,00
Fernando O. Costa
R$ 0,00
R$ 6.360,00
6 viagens
R$ 6.360,00
Marcos Paulo Alves Ferreira de Almeida
R$ 1.075,00
1 viagem
R$ 1.720,00
2 viagens
R$ 2.795,00
Josefa Equitéria Gonçalves Muniz de Farias
R$ 0,00
R$ 2.010,00
2 viagens
R$ 2.010,00
Marcos Paulo Alves Ferreira de Almeida
R$ 1.075,00
1 viagem
R$ 1.720,00
2 viagens
R$ 2.795,00
Total de diárias para Caxias                                         R$ 129.470,00
Caso expressivo, o ex-motorista da Alema (até 12 de fevereiro de 2015) Aldenir Cabral da Cruz foi nomeado assessor parlamentar, presta serviço ao presidente Humberto Coutinho e tem remuneração de R$ 6.664,54. Ele viajou 33 vezes para Caxias em 19 meses, totalizando R$ 33.225,00 em diárias.
Pelo Nordeste

Fora do Maranhão, Aldenir Cruz teve viagens custeadas com diárias duas vezes para João Pessoa (PB), uma a Maceió (AL) e outra com destino a Parnaíba (PI). Em dezembro de 2015, ele viajou para Caxias no dia 18 e retornou dia 21 para São Luís, partindo novamente para Caxias em 22/12, com diárias até 25 (Natal). Em seguida viajou para João Pessoa (PB), em 26/12, permanecendo na capital paraibana por três dias (até 28/12) durante o recesso natalino.
Jean Rodrigues Alves Costa (com remuneração de R$ 17.504,69) fez 30 viagens pagas à cidade de Caxias, recebendo R$ 33.075,00 em diárias.  Este servidor já havia prestado serviço no gabinete da ex-deputada estadual Cleide Coutinho na legislatura 2010 -2014. Também recebeu diárias no período natalino (21 a 25/12), quando viajou para Caxias.
A terceira maior cotação de diárias saiu para Cid Barbosa de Sousa, nomeado com remuneração de R$ 7.079,41. Suas 27 viagens a Caxias custaram R$ 27.090,00. Seguindo Aldenir Cruz e Jean Costa, ele também viajou para Caxias no Natal, com diárias (de 22 a 26 de dezembro/2015) pagas pela Alema. Fez também um deslocamento para Salvador, no período de 28 a 30 de dezembro/2015, durante o recesso de fim de ano.
Outros servidores viajaram para Caxias, mas em quantidade inferior aos 10 mapeados na tabela.
Frase lapidar

Nas justificativas de viagens, o Portal da Transparência da Alema contém o texto “a serviço deste poder”, sem detalhar os objetivos do pagamento das diárias.
Detentores de altos cargos na Alema também viajaram para Caxias, a exemplo do diretor geral Carlos Alberto Martins de Sousa e do diretor de Comunicação Carlos Alberto Ferreira da Silva. Cada um fez sete viagens à terra de Humberto Coutinho, com diárias totalizadas respectivamente em R$ 6.365,00 e R$ 7.370,00.
O tempo de duração das viagens varia e cada diária de funcionário no território maranhense vale R$ 215,00 de acordo com o levantamento no Portal da Transparência da Assembleia Legislativa.
Hyago Hemilton Bezerra Cordeiro tem remuneração de R$ 5.548,00 e obteve R$ 25.585,00 em diárias somente no ano de 2015 e mais R$ 10.425,00 em 2016, perfazendo um total de R$ 36.010,00 viajando 11 vezes para São Paulo e dez para Caxias, consumindo nesta cidade R$ 8.385,00 em diárias.
Veja abaixo as diárias de Cid Sousa, registradas no Portal da Transpatência.
Observação
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS, CAXIAS/MA, 18 A 21.02.2016
2016NE00259
2016OB00262
17/02/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 17-20/03/2016.
2016NE00462
2016OB00517
16/03/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 23-27/03/2016.
2016NE00530
2016OB00632
30/03/2016
1.075,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS, CAXIAS, 30.03 A 04.04.2016
2016NE00546
2016OB00639
30/03/2016
1.290,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 27/04-01/05/2016.
2016NE00744
2016OB00929
28/04/2016
1.075,00
CID BARBOSA DE SOUSA
PGTO.DIARIAS CAXIAS-MA PER.05A08/05/2016
2016NE00802
2016OB01054
06/05/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
PGTO.DIARIAS CAXIAS – MA PER.12A15/05/16
2016NE00870
2016OB01122
13/05/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
PGTO.DIARIAS CAXIAS – MA PER.25A29/MAI.
2016NE00933
2016OB01228
30/05/2016
1.075,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 02-05/06/2016.
2016NE01008
2016OB01374
02/06/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 09-12/06/2016.
2016NE01091
2016OB01436
09/06/2016
860,00
CID BARBOSA DE SOUSA
DIARIAS P/CAXIAS-MA, 29/06-03/07/2016.
2016NE01244
2016OB01650
01/07/2016
1.075,00
CID BARBOSA DE SOUSA
PG DIARIAS CAXIAS 07A10/07/2016
2016NE01311
2016OB01768
08/07/2016
860,00
Coincidências

As informações disponibilizadas no Portal da Transparência chamam atenção pelas coincidências de deslocamento entre o presidente Humberto Coutinho e o funcionário Hyago Cordeiro fora do Maranhão.
Os dois viajaram sete vezes para São Paulo, em datas idênticas no ano 2015, nos meses de março (9 a 18), abril (27 a 30), junho (2 a 6), junho/julho (29 a 3), agosto (26 a 29) e novembro (22 a 26), além de mais uma viagem conjunta no período 22 a 26 de junho de 2016.
Lenda caxiense

Caxias tem 90.328 (1,95%) do eleitorado maranhense. A cidade é conhecida pela ebulição política e sempre cobiçada nas disputas pelo governo do Maranhão.  O atual chefe político Humberto Coutinho busca a reeleição do sobrinho Leo Coutinho (PSB).
O clã Coutinho fora aliado de José Sarney, mas migrou para a campanha de Flávio Dino (PCdoB) em 2014 e passou a ser considerado um dos principais aliados do governador comunista.
Na disputa pela prefeitura a oposição reuniu-se em torno do vereador Fábio Gentil (PRB). Ele concorre apoiado pelo clã de Paulo Marinho, ex-prefeito aliado da oligarquia Sarney e coronel em decadência no Leste maranhense.
Coutinho derrotou Marinho, mas a cultura política coronelista segue a mesma, no padrão da maioria das cidades do Maranhão, onde duas famílias se revezam durante décadas no poder, a cada oito anos.
Caxias é um marco histórico da Guerra da Balaiada e tem como ilustre referência o poeta Gonçalves Dias, ícone da literatura nacional, autor do célebre texto Canção do Exílio.
Pode ser que um dos motivos de tantas viagens dos funcionários da Alema à cidade seja o saboroso “pirão de parida”, prato típico da culinária maranhense, servido no suculento guisado de galinha caipira.
Conta a lenda que o pirão, feito com o caldo do cozido e farinha seca, é um reforço alimentar às mulheres paridas.
Deve servir também para engordar muita gente que nunca deu à luz.

Nenhum comentário:

Postar um comentário