Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2017

DATA FOLHA: LULA CRESCE 5 PONTOS, ABRE VANTAGEM EM TODOS OS CENÁRIOS; GLOBO EM PÂNICO!

Imagem
        30 de setembro de 2017 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) cresceu cinco pontos percentuais e se isolou ainda mais na disputa pela Presidência da República nas eleições de 2018. Segundo a pesquisa mais recente do Instituto Datafolha, o petista acumula 35% das intenções de voto. Lula somou 30% no levantamento anterior, feito em junho — antes da condenação a nove anos e seis meses de prisão pelo juiz federal Sergio Moro. A íntegra da pesquisa será divulgada neste domingo. A prévia do estudo mostra que o deputado federal Jair Bolsonaro (PSC-RJ) e a ex-senadora Marina Silva (Rede) continuam empatados na segunda posição. Bolsonaro oscilou entre 16% e 17%, enquanto Marina variou entre 13% e 14%. Os números correspondem às medições feitas com Lula na disputa e são semelhantes aos índices de junho. Tanto o governador de São Paulo, Geraldo Alckmin, quanto o prefeito paulistano, João Doria, somaram 8% das intenções de voto. Os tucanos travam uma disputa pela indic

CONTA DE LUZ TERÁ AUMENTO RECORDE EM OUTUBRO

Imagem
       28 de setembro de 2017 A estiagem e a necessidade de uso mais intenso das termelétricas vão pressionar as tarifas de energia a partir de outubro. O G1 apurou que a Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) anuncia nesta sexta-feira (29) que a bandeira tarifária vai passar para vermelha patamar 2, o mais caro previsto, e a taxa extra cobrada nas contas de luz vai subir em outubro para R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos. Seria a primeira vez desde 2015, quando o sistema de bandeiras foi criado, que a taxa extra de R$ 3,50 seria cobrada. No mês de setembro, vigorou a bandeira amarela, que aplica uma taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. Leia também: Temer entrega usinas brasileiras de Minas a preço de banana para multinacionais A Aneel marcou uma entrevista coletiva para a tarde desta sexta, quando a mudança na bandeira tarifária será oficializada. O G1 apurou que a agência vai aproveitar para pedir que os consumidores adotem medidas para re

MAIA JÁ DEFINE DIA DA VOTAÇÃO QUE PODE DERRUBAR TEMER E COMPLICA PRESIDENTE

Imagem
           28 de setembro de 2017 O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou hoje (28) que "com certeza" a segunda denúncia contra o presidente Michel Temer e os ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral da Presidência) será votada em plenário até o dia 23 de outubro. Maia deu a declaração após se reunir, pela segunda vez nesta semana, com a presidente do Supremo Tribunal Federal, ministra Cármen Lúcia. Ele, no entanto, voltou a negar que o tema tenha sido discutido no encontro. Ontem (27), o presidente da Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) da Câmara, Rodrigo Pacheco (PMDB-MG), descartou que a denúncia seja fatiada, com votações separadas para presidente e ministros. Ele acrescentou que está encontrando "dificuldades" para escolher um relator. Denúncia Na denúncia apresentada pela Procuradoria-Geral da República (PGR), Temer é acusado de tentar obstruir a Justiça e liderar organização criminosa. Na

DISPUTA DE PODER E NEPOTISMO DENTRO DA SECRETARIA DE EDUCAÇÃO EM CAXIAS – MA

Imagem
        27 de setembro de 2017 Dentro da Secretaria de Educação de Caxias – MA existem dois grupos, um da Secretária Ana Célia e o outro de Edna Reis. Com a doença de Edna Reis, um A.V.C. no dia 08/09, cresce o poder de Ana Célia, nomeando seu sobrinho o ex-vereador de Aldeias Altas, jogador assíduo de pife pafe no Bar Beija Flor, Teódulo e mais outro assessor Luciano que antes era secretário escolar na Escola União dos Moradores da Vila Arias, segundo os funcionários da escola, Luciano não cumpria horário, pois este era funcionário da cervejaria Brasil Kirin. Os dois protegidos da Secretária de Educação Ana Célia agora acumulam dois cargos.  Teódulo (filho de Rosângela irmã de Ana Célia) que já era chefe do RH da Saúde comenta-se que ele assumiu o cargo da Edna Reis, no Recurso Humano da Educação, acumulando assim dois cargos ou empregos, mas no Artigo 37 da C. F. no Inciso XVI  -  é vedada a acumulação remunerada de cargos públicos, exceto, quando houver comp

URGENTE! STF AFASTA AÉCIO E DETERMINA RECOLHIMENTO NOTURNO

Imagem
      26 de setembro de 2017 A Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu nesta terça-feira, por 3 votos a 2, afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG) do mandato parlamentar. Votaram pelo afastamento do senador mineiro os ministros Luís Roberto Barroso, Rosa Weber e Luiz Fux, enquanto Marco Aurélio Mello e Alexandre de Moraes ficaram vencidos. Aécio também está impedido de deixar o país, deve se recolher durante a noite em sua residência e não pode manter contato com outros investigados. O colegiado analisou hoje e negou um pedido de prisão feito pelo ex-procurador-geral da República Rodrigo Janot contra o tucano, com base nas delações premiadas de executivos da JBS. Em junho, Janot denunciou Aécio Neves pelos crimes de corrupção passiva e obstrução à Justiça ao STF, que ainda não decidiu se coloca o tucano no banco dos réus. O senador foi gravado em uma conversa com o empresário e delator Joesley Batista, em um hotel em São Paulo, na qual pediu 2 milhões de re

LAVA JATO REJEITOU PROVAS E DOCUMENTOS DA ODEBRECHT CONTRA O PSDB, MAS IRÁ USÁ-LOS CONTRA LULA

Imagem
      25 de setembro de 2017 Os mesmos documentos valem como provas contra Lula, mas para o PSDB são inválidos O repórter Mario Sergio Carvalho relata hoje, na Folha de S. Paulo, que a Justiça se enrolou todinha na hora de fazer acordo de leniência com a empreiteira Odebrecht quando se trata das falcatruas admitidas pela empresa em São Paulo. Por exemplo, o MP paulista não foi consultado pelo Ministério Público Federal, nem pelo juiz Sergio Moro, sobre os valores a serem ressarcidos pela Odebrecht relativamente às falcatruas cometidas em São Paulo. O Tribunal Regional Federal de Porto Alegre, aquele que será carrasco do ex-presidente Lula, encontrou irregularidades no acordo de leniência da Odebrecht com o MPF, como a falta de concordância da Controladoria Geral da União e da Advocacia Geral da União. Por isso, os promotores paulistas se negam a receber os documentos da empreiteira sobre o pagamento de propina em obras do Metrô, da Companhia Paulista de Trens Metropol

PRESIDENTE DE ESTATAL NORUEGUESA COMEMORA NA VEJA: TEMER NOS DEU O PRÉ-SAL

Imagem
              24 de setembro de 2017 Reportagem da revista Veja deste fim de semana retrata com alegria a entrega de campos do pré-sal pelo governo de Michel Temer. Intitulada "Vai jorrar petróleo", a matéria fala sobre o leião do campo "Serão três rodadas de leilões em um mês, dois de campos do pré-sal. O governo espera arrecadar 8 bilhões de reais nas concorrências, uma injeção deânimo no combalido caixa federal e uma boia de salvação para o Rio de Janeiro, onde 30% da economia gira em torno do chamado ouro negro. Quarenta empresas planejam entrar na briga por um espaço em águas brasileiras, entre elas os gigantes Shell, Total e Statoil, da Noruega", diz trecho da reportagem.  No texto, Veja concede amplo espaço para o presidente da Statoil, Eldar Saetre, que celebra todas as decisões do governo Temer que estão desnacionalizando a cadeia de petróleo e gás no País. "Pela primeira vez, vejo no Brasil um calendário de leilões de mais longo prazo, par

BASE DE TEMER ENCOLHE E SEU DESTINO ESTÁ NAS MÃOS DE RODRIGO MAIA

Imagem
       23 de setembro de 2017 Presidente da Câmara estaria sendo incentivado por atores políticos importantes, de dentro e de fora do governo, a comandar a transição do país. "Já há um clima de conspiração dentro do próprio governo", diz o cientista político Ricardo Caldas Presidente da Câmara, Rodrigo Maia “é a chave do processo” político e não tem escondido seu desagrado com Michel Temer São Paulo – Após a decisão do Supremo Tribunal Federal, que na quinta-feira (21), por 10 a 1, decidiu enviar à Câmara dos Deputados a nova denúncia do agora ex-procurador-geral da República, Rodrigo Janot, contra Michel Temer, a a principal questão desse final de 2017 é se o plenário da Câmara vai autorizar a abertura do processo contra o presidente. Temer corre riscos de cair? Sua base se mantém estável, aumentou ou diminuiu? Há hoje em Brasília duas correntes sobre o destino da segunda denúncia de Janot na Câmara. Segundo o cientista político Ricardo Caldas, professor da

CINCO DIAS APÓS ASSUMIR A PGR, EQUIPE DE RAQUEL DODGE JÁ TEM O PRIMEIRO ESCÂNDALO

Imagem
      22 de setembro de 2017 Uma equipe do jornal Folha de SP flagrou um membro da equipe da nova Procuradora Geral, Raquel Dodge, vazando informações para uma advogada que trabalhou para a JBS. Fernanda Tórtima (a advogada) estava almoçando com o procurador Sidney Pessoa Madruga no restaurante Taypá, em Brasília. Estava tudo correndo bem (no almoço) até que, os jornalistas da Folha (que almoçavam na mesa ao lado) flagraram toda a conversa. O procurador vazou informações sigilosas e disse para a advogada que, a “tendência” da PGR  é investigar o ex-chefe de gabinete de Rodrigo Janot, adversário de Dodge […] ou seja, Dodge está focando seu trabalho em Janot ao invés de investigar os políticos corruptos que estão no comando do país. Trocando em miúdos, essa foi mais uma prova de que a nova PGR pode estar trabalhando exclusivamente para o sr. Michel. A reportagem saiu de manhã e no período da tarde a exoneração do procurador Madruga foi anunciada.

URGENTE!! PROCURADORA DIZ QUE MORO É SUSPEITO PARA JULGAR LULA E PEDE QUE STJ JULGUE O CASO; CONDENAÇÃO PODE SER ANULADA

Imagem
        20 de setembro de 2017 A sub-procuradora-geral da República, Aurea Maria Etelvina Nogueira Lustosa Pierre, defendeu em parecer que o Superior Tribunal de Justiça (STJ) discuta o pedido de suspeição do juiz federal Sérgio Moro, feito pela defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.  Em seu parecer com data dessa segunda-feira, 18, a representante do Ministério Público citou, entre outras informações, foto em que o juiz Sérgio Moro aparece ao lado do senador Aécio Neves (PSDB).  No pedido feito ao STJ, a defesa de Lula alega que Moro demonstrou parcialidade na ação penal que levou à condenação do ex-presidente, ordenando conduções coercitivas e interceptações telefônicas ilegais, bem como levantado ilegalmente o sigilo profissional dos advogados do petista ao grampear seus telefones. Leia algumas das questões levantadas pela sub-procuradora: “Questões trazidas (da e-fl 1505/1508): 1-Na APn 5046512-94.2016.404.7000 – linguagem de certeza de condenação no

APÓS REUNIÃO COM AÉCIO, DORIA E ALCKMIN, PSDB DECIDE APOIAR TEMER E REJEITAR DENÚNCIA DE JANOT

Imagem
      18 de setembro de 2017 PSDB fecha com Temer O PSDB se prepara para fincar de vez sua âncora no governo golpista de Michel Temer junto com seu "quadrilhão", como definiu o inquérito da Polícia Federal. Os tucanos estão garantindo a Temer que vão trabalhar para rejeitar a nova denúncia da Procuradoria Geral da República (PGR) contra o peemedebista. A jornalista Andrei Sadi disse em seu blog que os deputados do PSDB já têm o discurso pronto para justificar a defesa de Temer: a denúncia de Rodrigo Janot "não é suficiente" para provocar uma "ruptura" no cenário político em meio à discussão sobre as reformas econômicas. Os tucanos, no entanto, admitem que o motivo maior é não causar turbulências a um ano da eleição para presidente da República. Na primeira denúncia contra Michel Temer, a bancada do PSDB rachou no plenário: foram 22 votos contra a denúncia, e 21 a favor. Para retribuir a proteção do PSDB, Temer está afirmando que vai mant

HOJE FAZ EXATAMENTE 4 MESES QUE AÉCIO FOI PEGO PEDINDO E RECEBENDO PROPINA; ELE CONTINUA SOLTO E OS DELATORES FORAM PRESOS

Imagem
      17 de setembro de 2017 "Neste domingo completam-se 4 meses que o áudio do Aécio pedindo propina vazou. Como todos os tucanos acusados de corrupção, ele está solto", postou o jornalista Renato Rovai, editor da revista Fórum, em seu Twitter. Abaixo, reportagem da Reuters, sobre a volta do senador ao mandato, publicada em 30 de junho: BRASÍLIA (Reuters) - O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Marco Aurélio Mello rejeitou o pedido de prisão apresentado pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o senador Aécio Neves (PSDB-MG) e determinou o retorno do parlamentar às atividades do seu mandato. Aécio havia sido afastado do Senado por ordem do ministro do STF Edson Fachin no dia 18 de maio, na esteira das revelações feitas por delatores da JBS. Em sua decisão, Marco Aurélio, que virou novo relator do caso, observou que o tucano estava afastado do exercício do mandato havia um mês e 12 dias e que, em razão da véspera do recesso do Judiciário no