Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2020

MINISTÉRIO DA JUSTIÇA CONFIRMA: ACORDO COM PROCURADORES DOS EUA PARA CONDENAR LULA FOI ILEGAL

Imagem
Lula, Kenneth Blanco e Deltan Dallagnol (Foto: Ricardo Stuckart | Reprodução | ABr) 30 de novembro de 2020   Anúncio é uma vitória para a defesa do ex-presidente, que já apontava ilegalidades no acordo de cooperação firmado entre a Lava Jato e autoridades dos EUA no caso do tríplex do Guarujá, que resultou na prisão de Lula   247  - O Ministério da Justiça confirmou à defesa do ex-presidente Lula que não há nenhum documento nas dependências da pasta que formalize a cooperação entre procuradores norte-americanos e brasileiros no processo do tríplex do Guarujá, que levou o ex-presidente Lula a ser condenado e preso.   Em 2017, em um evento público, o procurador americano Kenneth Blanco disse que procuradores americanos cooperaram com os brasileiros na acusação do tríplex contra Lula. Com a informação de que não houve formalização da parceria, fica comprovado que a cooperação foi feita fora dos parâmetros de acordo de investigação entre os dois países. O acordo sobre cooperaçã

PMS INVADEM CASA E EXECUTAM JOVEM NEGRO DIANTE DE CRIANÇAS EM SÃO PAULO

Imagem
Wenny Sabino (Foto: Reprodução) 29 de novembro de 2020   Wenny Sabino Costa Martin, um jovem negro de apenas 18 anos, foi executado em Sapobemba, na Zona Leste de São Paulo diante de duas crianças na última quarta-feira. Houve protestos nas ruas do bairro   247 com Ponte e Fórum -  O jovem negro Wenny Sabino Costa Martin, de 18 anos, morreu baleado por policiais militares do governo de João Doria (PSDB) na última quarta-feira (25). Moradores de Sapopemba, na zona leste de São Paulo, fecharam uma avenida com pneus em protesto. A mãe do jovem, Gislaine Sabino dos Santos, relatou à  Ponte  que seu filho foi morto pelos policiais na frente de duas crianças de 5 e 3 anos e dois adolescentes de 13 anos: “Eu sou evangélica e acredito que todos nós vamos ser levados daqui um dia, mas eu não esperava que meu filho fosse levado de mim desse jeito.” Segundo as testemunhas, não houve troca de tiros e Wenny foi assassinado à queima-roupa. O jovem teria entrado na casa e, pouco tempo depois, os poli

AGÊNCIA PÚBLICA APONTA MENTIRA DA LAVA JATO PARA NÃO CUMPRIR DETERMINAÇÃO DO STF

Imagem
Ex-presidente Lula e procuradores da Lava Jato em Curitiba (Foto: Felipe L. Gonçalves/Brasil247 | Divulgação/MPF-PR) 27 de novembro de 2020   A agência de jornalismo lembrou várias reportagens publicadas na Vaza Jato que contradizem o argumento de procuradores de Curitiba para não entregar os documentos do acordo da Odebrecht à defesa do ex-presidente Lula 247 -  A Agência Pública divulgou nesta sexta-feira (27) nota em que aponta uma mentira da operação Lava Jato para deixar de atender à  determinação, reiterada, do ministro Ricardo Lewandowski , do Supremo Tribunal Federal (STF). Para não disponibilizar à defesa do ex-presidente Lula toda a documentação referente aos acordos de leniência da Odebrecht, incluindo comunicações com autoridades dos Estados Unidos e da Suíça, procuradores da Lava Jato afirmaram que “não foi produzida nenhuma documentação relativa a comunicações com autoridades estrangeiras para tratar do acordo de leniência” da Odebrecht. No entanto, a Pública aponta

LEWANDOWSKI VOLTA A DETERMINAR QUE LAVA JATO GARANTA A LULA AMPLO ACESSO AO ACORDO DA ODEBRECHT

Imagem
(Foto: STF | Ricardo Stuckert 24 de novembro de 2020 Enquanto isso, de acordo com a decisão do ministro do STF, a ação da Lava Jato que acusa o ex-presidente de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do Instituto Lula ficará suspensa   247 -  O ministro Ricardo Lewandowski, do Supremo Tribunal Federal (STF), reiterou em decisão desta terça-feira (24) a determinação de que a 13ª Vara Federal Criminal de Curitiba, responsável pelas ações da Lava Jato,  disponibilize à defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva todos os documentos relativos aos acordos de leniência do Ministério Público Federal com a Odebrecht .  Enquanto isso, de acordo com a decisão do ministro, a ação da Lava Jato que acusa Lula de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do Instituto Lula ficará suspensa. Apesar de rejeitar o recurso de embargos opostos pela defesa de Lula, Lewandowski reafirmou na decisão “que esta Suprema Corte emitiu uma determinação clara e direta para que o Juízo de origem assegurasse ao r

LAVA JATO PROTEGEU GLOBO DEPOIS DE ACORDO PARA COBERTURA FAVORÁVEL A DALLAGNOL E A MORO

Imagem
Deltan Dallagnol, Sergio Moro e João Roberto Marinho (Foto: ABr | Reuters | Marcos 24 de novembro de 2020 Segundo o livro da jornalista do Intercept Letícia Duarte sobre a Vaza Jato, a Lava Jato blindou a Globo ao não investigar a relação da emissora com o escritório de advocacia panamenho Mossack Fonseca, usado para lavagem de dinheiro. Em troca, a família Marinho garantiu ampla cobertura favorável à operação   247  - O livro do Intercept sobre a Vaza Jato, de Letícia Duarte, revela que a Operação Lava Jato blindou a Globo e não investigou a relação da emissora com o escritório de advocacia panamenho Mossack Fonseca, muito usado para empresas offshores em esquemas de lavagem de dinheiro. Em troca, a emissora garantiu ampla cobertura à operação comandada pela dupla Moro-Dallagnol . "O livro sobre a Vaza Jato escancara uma relação antiética entre o jornalista Wladimir Neto e os procuradores da Lava Jato, na medida em que ele presta uma espécie de consultoria informal a Deltan D

RACHADINHA: MÁRCIA AGUIAR, ESPOSA DE QUEIROZ, RECEBEU MAIS DE R$ 1 MILHÃO EM RECURSOS DESVIADOS DA ALERJ

Imagem
  Márcia Aguiar e Fabrício Queiroz (Foto: Reprodução) 23 de novembro de 2020   Segundo denúncia do Ministério Público, Márcia Aguiar atuava como parte do núcleo executivo da organização criminosa comandada pelo atual senador Flávio Bolsonaro   247 -  O Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ) apresentou denúncia à Justiça na qual afirma que  Márcia Aguiar , esposa de  Fabrício Queiroz , ex-assessor de Flávio Bolsonaro, recebeu R$ 1,1 milhão em recursos desviados da Assembleia Legislativa do Rio (Alerj) por meio de esquema de  rachadinha  no gabinete do então deputado estadual Flávio. Segundo a  CNN , a denúncia dá conta de que Márcia integrava um corpo de 12 funcionários fantasmas do gabinete de Flávio Bolsonaro. Mais de R$ 868 mil administrados por Marcia, cerca de 75% do dinheiro que recebeu da Alerj, foram utilizados para alimentar a organização criminosa do parlamentar. Segundo o MP, Marcia atuava como parte do núcleo executivo da organização criminosa.  A defesa de Márcia Agui

BOLSONARO E O CORPO ESTENDIDO NUMA POÇA DE SANGUE

Imagem
(Foto: Divulgação) 22 de novembro de 2020 Mesmo sabendo que nunca se deve esperar uma reação decente por parte Jair Bolsonaro, a resposta presidencial diante assassinato de João Alberto Siqueira Freitas supera qualquer expectativa.    Longe de demonstrar empatia -- mesmo protocolar -- pelo sofrimento de um cidadão massacrado em praça pública, asfixiado numa poça de sangue por um grupo covarde de seguranças, Bolsonaro aproveitou a oportunidade para criticar e ameaçar brasileiros e brasileiras que foram as ruas manifestar sua indignação.    "Não nos deixemos ser manipulados por grupos políticos", escreveu, como se os protestos contra o crime de Porto Alegre fossem parte de uma operação oculta contra o grupo Carrefour, um dos maiores do mundo.  "Não existe cor da pele melhor do que as outras", acrescentou Bolsonaro, sugerindo que uma reação de indignação pudesse confundir-se com a defesa de qualquer tipo de privilégio.  Tentando perfilar-se em torno do já esfarrapado m

VEJA LOCALIZA ESCONDERIJO DA MÃE DE ADRIANO DA NÓBREGA E COLOCA PRESSÃO SOBRE O CLÃ BOLSONARO

Imagem
Adriano Magalhães da Nóbrega, Flávio Bolsonaro e Fabricio Queiroz (Foto: Reprodução | Ag. Senado) 20 de novembro de 2020 Mãe do ex-capitão do Bope Adriano da Nóbrega, miliciano morto em operação policial, Raimunda Veras Magalhães, 70 anos, vive em Astolfo Dutra, no interior de Minas. O MP-RJ a considera testemunha-chave para revelar detalhes de um esquema que abasteceu a conta de funcionários fantasmas na Alerj, onde Flávio Bolsonaro cumpria mandato antes de ser eleito para o Senado   247 -  Mãe do ex-capitão do Bope Adriano da Nóbrega, miliciano morto em fevereiro deste ano em operação policial na Bahia, Raimunda Veras Magalhães, 70 anos, vive na cidade de Astolfo Dutra, no interior de Minas Gerais. A informação foi publicada por  Veja . Promotores consideram-na testemunha-chave para revelar detalhes de um esquema que abasteceu a conta de funcionários fantasmas, como ela mesma. O dinheiro tinha outros destinos. Tanto ela como a ex-mulher do policial trabalharam para o gabinete de